שמע ישראל י-ה-ו-ה אלקינו י-ה-ו-ה אחד
Shemá Yisrael Adonai Elohêinu Adonai Echad

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Yom Kippur - Dia do Perdão

Para os crentes em Yeshua, ambos seja judeus e não-judeus, a observância do Yom Kippur (Dia do Perdão) pode conter um significado especial. O arrependimento começa em Rosh Hashaná (Ano Novo Judaico) e chega em um ponto culminante com o dia da expiação dez dias depois. Assim como na comunidade judaica tradicional, os 10 dias (Yomim Nora'im) tem um significado espiritual elevado, que serve para que possamos meditar sobre o nosso proceder diante de D-us e como isso pode afetar a sociedade, trazendo a ela juízo ou justiça por meio de nossas ações coletivas.

Liturgicamente mesmo que não haja muitos costumes diretamente relacionados com os dez dias, a ênfase poderia ser aplicada a meditação diária de um crente na época. Leituras tradicionais a partir do livro de Jonas, Oséias 14 e outras passagens pertinentes pode melhorar a própria valorização do memorial deste apontamento de D-us.

Na véspera do Yom Kippur no final da tarde do dia 9 de Tishrei, são tomadas medidas especiais para inaugurar o dia mais sagrado do ano. Uma vez que é chamado de dia de descanso (Shabat), os costumes gerais relativos ao Shabat semanal já estão todos ordenados.

O Yom Kippur será um dia de jejum para a maioria, então a refeição da véspera no fim de tarde torna-se mais vital. A mesa já está adornada com o melhor linho branco e a com cutelaria de prata. Durante todo o Dia Sagrado, branco tem um significado especial, pois simboliza a nossa esperança pela a pureza de nossas transgressões e perdão de nosso pecados. O vinho é abençoado com a benção kidush, a chalá da forma especifica. Um suntuoso jantar é servido em seguida, que pode incluir pratos doces para representar o ano novo doce do perdão. À medida que o sol se põe naquela noite, o jejum começa.
Alguns crentes questionam-se sobre o jejuar, uma vez que eles já estão perdoados pelo Sacrifício do Mashiach. Verdade, os crentes não jejuam para obter o perdão, mas há alguns benefícios do jejum, no entanto. Yeshua falou das bênçãos de um jejum e poder espiritual que ele proporciona a ponto de certas castas de demônios só serem expulsas por meio de jejum e oração.

Embora a questão da salvação já está resolvida pela fé em Yeshua, os crentes ainda estão em constante necessidade de retornar a uma caminhada pura com o Pai. Temos pecados a confessar e para nos arrependermos (I João 1:7-9). O jejum pode sensibilizar os nossos espíritos ao coração de Deus.
Muitos judeus e gentios messiânicos jejuam no Yom Kippur por outros motivos também. Como é o primeiro dia do ano em que os judeus religiosos de todo o mundo são movidos para as sinagogas para estarem orando, os crentes também poderiam se utilizar deste dia especial para juntos num mesma língua orar pela salvação de Israel (Romanos 10:1).

A noite de Yom Kipur é um momento maravilhoso para um culto messiânico. Para aqueles que vivem perto de uma congregação messiânica judaica, assistir a um serviço de Yom Kippur formal pode ser um destaque espiritual. A música, a liturgia e a mensagem tudo celebrando o verdadeiro significado do dia: expiação em Yeshua o Messias!


Se você não puder comparecer, por que não planejar o seu próprio serviço para a sua família e amigos. Você tem o maior livro didático para o planejamento de tal celebração: a sua própria Bíblia. Escolher algumas canções e Escrituras que acentuam o tema do perdão em Yeshua. Combinado com o jejum e oração, qualquer grupo tem o potencial para um inspirador serviço do Yom Kippur.

No dia seguinte, o estômago está testificando que esta é um momento sério de buscar a Deus. Para aqueles que querem a experiência completa judaica, continua-se o jejum, mesmo sem água, até o anoitecer. O dia de Yom Kippur é uma outra oportunidade para o culto com uma comunidade de crentes. O tema é o mesmo: arrependimento e regozijo no plano de perdão de D-us .

A tarde pode ser aproveitar em casa descansando e meditando sobre a importância do dia. Nossa congregação messiânica tem uma tradição de reunir-se para a hora final do dia; Isto tem provado ser um momento rico de oração e adoração corporativa como lemos a partir de um sidur messiânico (livro de orações), as Escrituras, e cantar músicas de louvor ao nosso redentor. À medida que o sol se põe para fechar o Yom Kippur, bendizemos o vinho e a chalá, assim as primeiras coisas que gosto após o jejum são doces. Então nós temos um jantar leve ou apenas sopa encerra a celebração deste dia santo.

Bendito seja o Senhor D-us, que garantiu a nossa salvação em Yeshua o Messias! Isso é o Yom Kippur que é relativo ao arrependimento que o Espírito Santo nos convence que temos que ter para que a partir de nossa confissão de erros, possamos lançar mão do sacrifício expiador que Yeshua plenificou em sua carne.

5 comentários:

  1. E se eu não conseguir terminar o jejum?

    ResponderExcluir
  2. Eu amo a palavra de D'us, todas as festas considero muito importante. E o dia de yom kippur e essêncial para nossa vida espiritual. Shalom

    ResponderExcluir
  3. Estou tomando conhecimento do yom kippur agora, sou evangélica e creio em Jesus o Messias, porém um pastor de origem judaica disse que nesses dias será definido se vamos morrer ou viver, durante a abertura do livro. Eu até pretendia
    pparticipar do jejum, mas ele disse que não adianta o jejum sem
    o sacrifício, que no caso da igreja dele seria de R$1000,00, o que
    para mim, no momento é muito difícil por estar desempregada. Sendo assim, eu estaria impedida de participar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara anônima,

      Você não precisa gastar este dinheiro pois isso é roubo e enganação, você tem sim que se arrepender de seus pecados e suplicar por perdão neste dia.

      Excluir
    2. Fique tranquila vc não precisa gastar mil reais pra conseguir o perdão de Deus! Estou já me preparando pra esse grande momento sem gastar nenhum tostão pois Deus recebe seu jejum sem cobrar nd! Quem cobra é o homem...leia Levítico 16/33:34 Deus só cobrou a obediência de Arão

      Excluir

Faça um blogueiro feliz, Comente porfavooooooooooooor